NESTA SEGUNDA (26) TEM DEBATE DAS CHAPAS AO PT MUNICIPAL. LINO LANÇOU CANDIDATURA PELO DAP/LULA LIVRE

Notícias 25/08/2019

Por Lino Peres

Nesta segunda-feira (26), às 18h30, haverá debate entre @s quatro candidat@s à presidência do PT de Florianópolis com suas respectivas chapas. A atividade será no Sintespe (Praça Olívio Amorim, atrás do cachorro-quente do Afonso). É mais um importante e decisivo momento para conhecermos as propostas de cada chapa e de cada candidat@ para o Partido nos próximos três anos.

Lancei minha candidatura com a chapa do Diálogo e Ação Petista (DAP/Lula Livre) na quarta-feira (21) na sede do PT estadual. Cerca de 100 pessoas estiveram no lançamento, representando diferentes setores do movimento popular de Florianópolis. As falas abriram com Décio Lima (PT estadual), Carlos Eduardo Souza, o Cadu (PT municipal), Renê Munaro (DAP/Lula Livre), Antonio Luiz Battisti (PT São José), Danielle de Paula (Juventude do PT) e Samara Braun, pelo movimento de moradia.

Debateram-se vários aspectos da conjuntura nacional, estadual e local, como o fim do governo Bolsonaro, a defesa dos direitos dos trabalhadores e das trabalhadoras, a defesa da soberania nacional, a luta autônoma da classe trabalhadora por suas representações sindicais e sociais contra o governo de Moisés e Gean Loureiro e a defesa das teses aprovadas no 6º Congresso Nacional do PT, realizado há três anos, em que o DAP teve presença marcante. Foram apontadas perspectivas de luta e mobilização, dentro da unidade partidária, para o 7º Congresso Nacional do PT, que será em novembro próximo.

Caminhos para fortalecer o PT

Destaquei em minha fala a luta por um PT combativo, coeso e presente nas lutas da classe trabalhadora e da população florianopolitana, principalmente a que sobrevive invisibilizada nas periferias. Outros pontos que abordei foram o fim do PED, o Processo de Eleição Direta do PT – que foi um processo importante, mas esgotou-se em sua proposta – e os caminhos para o fortalecimento do Partido, entre eles o chamamento periódico do Diretório e de Plenárias, de tal forma que @s filiad@s participem coletivamente das decisões partidárias.

O PT deve promover a formação periódica e estar com as organizações sindicais e sociais em suas demandas e também nos momentos em que forem atacadas pelas forças repressivas. Não bastam moções de apoio às lutas. Precisamos estar presentes nelas onde quer que estejam acontecendo, com @s filiad@s contribuindo efetivamente para estas lutas. Frisei que os núcleos do PT nos bairros, criados pela atual gestão, devem ser ampliados e fortalecidos, fazendo com que a Executiva e os membros do Diretório estejam presentes em todos os Atos chamados pelos movimentos sindicais e sociais, como ocorreu nas mobilizações nos anos que se seguiram ao impeachment de Dilma, lembrados na fala do Cadu, atual presidente do PT Municipal. Queremos um PT enraizado nas lutas, como foi o PT nas suas origens.  

No lançamento, assinei um documento de compromisso com 13 ações que devem mobilizar o PT para as lutas cotidianas e destaquei os sete pontos que constituem a contribuição do DAP/Lula Live ao 7º Congresso Nacional do PT, manifestada em Carta Nacional dirigida às e aos petistas. Destaco, entre as propostas, a da autonomia organizativa e financeira da Juventude do PT no Partido e a criação da Secretaria de Combate ao Racismo, assim como a participação ativa de negras e negros nas suas instâncias de decisão.

No encerramento da atividade, o arquiteto Loureci Ribeiro, Ci, em nome das lideranças e moradoras e moradores presentes no evento, fez uma fala chamando @s presentes ao apoio efetivo às ocupações, que têm sofrido repressão sistemática policial com a anuência da Prefeitura, que não cumpre o seu dever constitucional de resolver a grave problemática urbana e habitacional pela qual sofre o município.

Agora é fazer campanha em direção à vitória na eleição do PED, a realizar-se no dia 8 de setembro!

Ao debate nesta segunda-feira entre @s candidatos!

Tod@s na intensificação da campanha até a vitória!

VEJA NOS ANEXOS:

- O INFORMATIVO DA CHAPA COM NOSSAS PROPOSTAS

- A CARTA DO DAP NACIONAL AOS PETISTAS

A chapa do Diálogo e Ação Petista terá a seguinte numeração para as eleições internas:

Diretório Nacional: 210
Diretório Estadual: 410
Diretório Municipal: 610
Presidência Municipal: 510

 

Arquivos Relacionados